Cannes por trás das câmeras – um roteiro completo para descobrir a cidade

Cannes - França

Palco de um dos maiores festivais de cinema do mundo, Cannes é puro luxo e glamour. O diretor grita lá atrás: CORTA! Ufa, agora vem comigo que vou te levar para conhecer os bastidores dessa cidade que é puro charme e sedução.

Tirar foto no tapete vermelho do teatro de Cannes? Sério mesmo? Vem comigo, deixa eu te mostrar outros lugares bem mais interessantes. Deixa essa foto para Angeline Jolie, Jennifer Lawrence…

Sem pressa e sem relógio, estamos combinados?

Tá bom, no final do passeio eu te levo para ver os hotéis luxuosos e também a praia que tenho que confessar, é linda!

Te apresento Cannes: de um lado o mar, do outro o simpático centro antigo da cidade. Seguimos por aqui por favor, chegamos ao bairro-velho e o que ele tem de pequeno, ele tem de charmoso.

Começaremos esse tour pela rue Meynadier.

Opa, pula esse cabo e preste atenção essa rua foi feita para ser apreciada.

Aqui não é cenário de filme (mas poderia ser), mas note como as luminárias penduradas no meio da rua dão um toque para os prédios coloridos no fundo. Notou? Agora, preste bastante atenção nas cores das janelas, cada uma de uma cor, mas sempre em harmonia com a cor da casa.

Enquanto as casinhas abusam dos tons claros e neutros as janelas brincam com as tonalidades mais escuras e mais coloridas.

Leia também: Cassis: o essencial para conhecer e se apaixonar pela Cotê d’Azur

Cannes - França
Cannes – França
Cannes - França
Cannes – França

Você reparou nos cabos soltos nas luminárias? Fico me perguntando se isso foi feito de propósito. Chego a conclusão que sim. Pra mim esse detalhe é o ponto alto dessa rua, não é atoa que eu fotografei 15 mil vezes essas luminárias que parecem inocentes, mas na verdade estão lá mesmo para cativar os turistas.

Embora não seja a hora de comer, peço que admire os restaurantes. Note a elegância dessa rua quando observada por completa. Todos essas mesas na calçada que automaticamente se tornam o desejo de qualquer turista de sentar do lado de fora e desfrutar de uma boa refeição francesa com a sua tacinha de vinho. 😉  Podemos voltar aqui na hora do almoço.

Feito todas as observações dessa rua encantadora, deixo você livre para fazer compras de souvenirs. Aqui é o lugar ideal para isso.

Aproveito a oportunidade para indicar uma loja que não é de lembrancinhas, mas é a cara da França. A Fromager Ceneri, a queijolândia. =D Uma loja de queijo, muito queijo, de todos os tipos, tamanhos, sabores e fungos.

Ah, mas um dica e te deixarei totalmente livre para desbravar essa região. Isso mesmo, desbravar, se aqui existe um astro do cinema, esse se chama: Beco.

Os bequinhos, como o chamamos carinhosamente, são adoráveis. Não se esqueça de se atentar aos detalhes: colorido das casas, colorido das janelas e a delicadeza das sacadas de ferro com as floreiras penduradas.

Leia também: Cordes-sur-ciel o vilarejo mais bonito da França

Este slideshow necessita de JavaScript.

Se gosta de mercado, indico: Marché Forville. Uma mistura de flores e comidas. Esteja preparado para sentir o aroma das ervas de Provance, se deslumbrar com as cores das frutas e também a diversidade delas e por fim não sair provando todos os queijos e embutidos que te oferecerem.

Se você gosta de flores, não se frustre por não conseguir comprá-las e montar o mais belo arranjo para a sua sala. Apenas, aprecie.

Voltamos a nos encontrar mais tarde na rua Antibes, final da rua Meynadier.

E aí, desbravou a cidade? Explorou todos os bequinhos? Gostou né? Eu sabia que isso ia acontecer. 😉

Cannes - França
Cannes – França

Pois bem, continuamos nosso passeio pela Rue Antibes. Vamos combinar que aqui será uma passagem rápida, só pra conhecer, combinado? Tá bom, tá bom, se quiser parar aqui eu espero. Bom, essa rua é puramente comercial. Ainda sem o luxo de Cannes e eu diria que é a rua dos mortais. Zara, Mango, H&M, Tommy, Sephora e até FNAC.

Vamos descer por aqui: Rue du Canada e chegar na Boulevard de La Croisette.

Porque por essa rua? Estamos perto da zona hoteleira da cidade onde hotel vira atração turística e então note o InterContinental Carlton ao seu lado direito.

Cannes - França

Leia também: Cadaqués: um pequeno paraíso na terra

Chegamos na via litorânea de Cannes e você vai ter que escolher para que lado olhar. De um lado da La Coissete o mar e do outro lojas e hotéis.

Se lá no centro antigo a atenção era para os prédios e luminárias, aqui a atenção ficará por conta da cor do mar e dos quiosques-restaurantes que vamos encontrar pé na areia.

Lembre-se: você está em Cannes. Aqui os quiosques se transformam em restaurantes requintados. Com piso e tapete na entrada, mesas e cadeiras dignas de restaurantes estrelados, inclusive a combinação de talheres e taças sob ela. Sofás, almofadas, champanhe, vinhos e tudo que seu bolso permitir.

Aqui te deixo mais uma vez livre para passear pela orla, sentar e admirar a paisagem, sentar a comer algo com essa vista espetacular (seja no restaurante ou direto na praia).

Cannes - França
Cannes – França

Por fim, chegará no teatro de Cannes.

E aí, prefere o tapete vermelho ou os bastidores dessa simpática e apaixonante cidade?

17 comments

  1. Que passeio delicioso, Maytê! Me senti na própria Cannes! E que bom que você deixou o tapete vermelho pra o final, porque a cidade tem um charme tão convidativo que dificilmente eu classificaria o teatro como a principal atração. Eu me perderia na Queijolandia por horas, fuçaria vários becos e ia adorar o mercado.
    Obrigada por me mostrar Cannes mais alem dos holofotes <3

  2. Oi Maytê… eu amei esse centrinho com ruelas estreitas e bagunçadas, parecendo meio decadentes, caídas, mas absolutamente charmosas!!!!! Como eu desejei caminhar por elas!!!! Para completar ainda tem mercado colorido e aromático e queijos!!!! Ah, como eu seria feliz desbravando essa Cannes!!! Quem precisa mesmo de tapete vermelho?!

    Se bem que não seria nada mal me deparar com George Clooney ou Johnny Depp ao vivo né?! rsrsrs

    beijuuusss

  3. Que fotos lindas! Parabéns! O sul de França é maravilhoso e você conseguiu captar isso muito bem nessas fotos maravilhosas! E os queijinhos? hmmm Golpe baixo pois dá vontade logo de comer tudo!

  4. Que delicia de cidade! Pelas fotos dá pra ter uma ideia de como a cidade é charmosa! E pra ficar ainda melhor também têm este mar lindo! Fiquei morrendo de vontade de conhecer.

  5. Que delícia de post! Uma delícia de ler… Viajei contigo por Cannes. Sabes, já passamos de carro, mas só passamos mesmo. Que pena não ter dado tempo de entrar e passear por lá. Adoro estas ruas estreitas, antigas. Ah, e adoro mercados públicos. Amei o lugar e o relato. Parabéns!

  6. Que delìcia de lugar, Mayte!
    Essa cidade é linda e como tem coisa gostosa para fazer (eu me sentaria fàcil fàcil nas cadeirinhas para observar o marzão azul).

    Além do festival (claro), quando ouvia falar de Cannes, sempre me veio em mente praia….
    E’ que nem Sanremo…. outra cidade que faz parte da “Costa Azul”, mas que as pessoas pensam no festival (e no caso de Sanremo, é o festival de mùsica).

    Eu tenho um fascínio por essa costa…. conheci apenas algumas cidades da costa Lígure (em italiano, Costa Azzurra) e sò não fui pro lado francês porque o trem não seguia direto (para em Ventimiglia e encarecia demais o preço)!

Deixe uma resposta