As minhas 5 melhores experiências gastronômicas pelo mundo

Vieux Nice é o centro antigo da cidade onde ocorre o famoso mercado de NIce

Viajar pra mim não é só conhecer o destino e os seus famosos pontos turísticos. Me encanta viver experiências gastronômicas, seja ao longo das minhas viagens ou no meu dia a dia. Gosto de provar os novos sabores, conhecer a tradição e a cultura de um lugar através dos seus ingredientes.

Estou sempre em busca de novos restaurantes. Aliás, tenho um mapa onde vou adicionando cada um dos bares e restaurantes que eu quero conhecer. No momento meu foco é em Barcelona e região, então toda vez que abre um espacinho para conhecer um novo lugar eu abro o mapa e escolho.  

Toda viagem nova que surge no calendário, eu começo a colecionar os restaurantes com bastante antecedência. Depois é só tentar casar o roteiro com a refeição na localização perfeita! =D

Esse post faz parte de uma blogagem coletiva. Eu, Maytê e mais a Ana do blog Espiando pelo Mundo, a Klécia do blog Fui Ser Viajante, e a Juliana do blog Turistando.in resolvemos contar sobre as nossas cinco experiências gastronômicas mais marcantes.

Mr Lam – Rio de Janeiro

Mr. Lam é o melhor restaurante que eu já comi na vida!

Conheci através de um evento que eu estava realizando na cidade do Rio de Janeiro. Um restaurante chinês, que leva o nome do Chef: Lam. Ele que já comandou restaurantes em Hong Kong, Londres e Nova York, foi convidado para dirigir um restaurante no Brasil. Localizado na cidade maravilhosa bem em frente a Lagoa Rodrigo de Freitas e ainda levaria o seu nome, como negar não é mesmo?

O local me surpreendeu tanto que assim que eu saí do evento eu prometi que voltaria pra lá com o Chris, que é fanático por comida chinesa. Em 2014 fui para o RJ em um outro evento da empresa, arrastei o marido comigo e sem pensar 2x fiz a reserva no restaurante.

Embora o preço seja alto, a comida é tradicional e sem muita frescura! E o mais importante: vale cada centavo.

Fomos de menu degustação.

Optamos pelo menu degustação com pato laqueado (min. de 4 pessoas) estávamos nós e mais 3 casais.

Aqui descrevo as minhas 5 melhores experiências gastronômicas pelo mundo.
Mr. Lam – Satay de Frango (Foto retirada do perfil do Instagram do restaurante)

O Satay de Frango chegou logo como entrada. Nada mais que: frango empanado com um molho. Um molho que nunca mais saiu da minha cabeça (escrevo esse post salivando), adocicado e intenso eu poderia parar o jantar por ali. O segredo da receita é guardada a sete chaves e foi com esse molho que o Lam fez sua fama.

Chegaram alguns rolinhos primavera, dupling de vegetais e algumas curiosas folhas de alface, que não entendi. Sério mesmo que vão me servir alface e vão me cobrar um rim por isso? Bom, mais ou menos isso. O alface vinha acompanhado de couve frita (muito crocante) e o tradicional sqwab (frango cortado), um garçom muito atencioso nos explicou que deveríamos inserir esses dois últimos na folha de alface, acrescentar os molhinhos agridoce, fazer uma trouxinha e mandar ver.

Embora ainda esteja falando de alface + frango + couve, eu te digo: valeu a pena! A combinação me pareceu perfeitamente perfeita, é possível?

Para o prato principal, o tal do pato laqueado. O prato leva 60 minutos para ficar pronto, mas relaxa você não vai nem ver o tempo passar provando as entradas do menu. Já que ele levava o nome do menu imaginei que ele seria o melhor prato, mas passou bem longe de ser o melhor, ainda que fosse muito bom.

Sentiu o drama?

O pato que era o menos bom, era muito bom em uma escala: Muito bom, perfeitamente perfeito e um molho que nunca mais saiu da minha cabeça.

Aqui descrevo as minhas 5 melhores experiências gastronômicas pelo mundo.
Mr. Lam – Ovo Frito (Foto retirada do perfil do Instagram do restaurante)

Mas estávamos longe de nos despedir do paraíso. Sobremesa: Ovo frito.

Compreendo que na China eles comam alguns pratos bem exótico, eu até curto um zoiúdo, mas comer ovo frito na sobremesa? 

Chegou o prato mais brasileiro da noite: cocada branca com mousse de maracujá!

Enganando qualquer um que aquilo era um ovo frio, o doce da cocada representando a clara e o azedo do maracujá casaram muito bem.

Château D’Agassac – Bordeaux

Foi em Bordeaux que eu tive a minha primeira experiência com menu degustação harmonizado com vinho. Não entendo muito sobre vinho, apenas aprecio. Uma vez que eu estava em uma região tão conceituada, as experiências gastronômicas nessa viagem tinham de ser a altura.

Por indicação reservei o Château D’Agassac. Antes mesmo de começar a viagem pelos sabores e aromas de Bordeuax eu me deslumbrei com o local: um pequeno e maravilhoso castelo. Cercado por videiras, escolhemos a mesa com vista para o jardim.

Aqui descrevo as minhas 5 melhores experiências gastronômicas pelo mundo.
Château D’Agassac – Bordeaux
Leia aqui sobre a nossa viagem por Bordeuax.

Em seguida o garçom nos apresentou as opções de menu degustação e então escolhemos aquele que iria harmonizar prato e vinho, seriam cinco pratos e cinco vinhos diferentes.

Assim que chegou o primeiro prato nosso atendente disse: irei servir os vinhos e no final terão que me dizer de qual região da França é esse vinho.

– Oi? Rsrs não moço acho que você se enganou!

Ele deu risada da nossa cara e começou nos apresentar cada um dos vinhos que chegavam a mesa, assim como cada um dos pratos que estava nos servindo! Foi uma experiência completa, mexeu com os meus 5 sentidos.

O menu é elaborado todos os dias, com produtos frescos e o que tem de disponível na feira. Nós não sabemos o que vamos comer, antes de iniciar a jornada gastronômica pelos sabores da França fomos questionados se tínhamos alguma restrição, dado a resposta que não foi só aguardar e ser surpreendido a cada novo prato.

La Guspira – Linyola

Esse é o restaurante bola da vez, só falo nele, é o meu queridinho do momento, sendo assim ele não podia ficar de fora dessa lista.

O La Guspira está bem longe dos holofotes turísticos, ele fica no interior da Catalunha em um vilarejo que não tem mais que 500 pessoas. Dentro de um hotel, o restaurante recebe poucos clientes, o que deixa a nossa refeição ainda mais especial e exclusiva. Trabalham apenas com menu, que vão mudando de tempos em tempos. Já fui duas vezes lá e provei pratos completamente diferentes um do outro.

Apesar de toda a sua requinte, a comida não é chiquérrima, são produtos comuns que levam um raio gourmetizador e transformam qualquer prato a ter uma explosão de sabores na boca. Eles brincam muito com as texturas dos pratos, e isso me deixa maluca a cada visita, um ingrediente de uma maneira que você nunca imaginou.

Indiscutível o sabor dos pratos e as combinações que para qualquer leigo sobre o assunto diria que aquilo nunca daria certo.

O fato do menu ter sempre essa brincadeira com as texturas dos alimentos o legal é que você prove o prato completo. Sei que muitas vezes não gostamos de tal ingrediente, mas dê uma chance para ele. Pense que o chef não colocou ele ali por nada, e aquele elemento pode fazer toda diferença na sua experiência.

Tour Gastronômico – Sófia

Quando estava fazendo a minha pesquisa sobre a cidade de Sófia, na Bulgária, eu descobri um tal de tour gastronômico. Vamos andando pelas ruas da cidade, uma guia nos conta a história e a relação dos alimentos dentro da cultura local.

O mais bacana é que entramos em quatro restaurantes, onde pudemos sentar e provar um pouco da cultura e dos sabores deste país.

Aqui descrevo as minhas 5 melhores experiências gastronômicas pelo mundo.
Tour Gastronômico Sófia
Se quiser conferir nosso tour gastronômico em Sófia, leia aqui.

Foi fantástico. Nunca tinha ouvido falar de um tour gastronômico e agora quero fazer em todos lugares. Não é fácil encontrar, mas a ideia me agradou muito.

Experiências gastronômicas como essa é extremamente rica. Conhecer uma cultura através dos alimentos, é entender o porquê de certas tradições, é aprender sobre as influências dos antepassados. Muito mais que um tour gastronômico, foi um tour histórico. 

Aqui descrevo as minhas 5 melhores experiências gastronômicas pelo mundo.
Tour Gastronômico Sófia

Doces Portugueses

Não conta para ninguém, mas eu não me aguentei em seguir uma lista só com 5. Resumi minha quinta experiência em: doces portugueses! Garota esperta. 😉

Vou falar de dois sabores inesquecíveis.

Não sei se você sabe, mas em Portugal cada cidade tem o seu doce tradicional. E eu fiz o sacrifício de provar todos eles, tudo pelo blog. =D

Sem ordem de preferência, pois é muito difícil essa escolha os meus preferidos foram: Pastel de Belém e Ovos Moles.

Bom, o primeiro deles dispensa apresentações. Ao chegar, me deparar com a fila, que estava enorme e eu quase desisti. Achei que a fama era coisa de turista. Sorte a minha ter continuado por lá, em menos de 40 minutos estava não só com um pastelzinho na mão, mas com uma caixa com 4.

Lógico que eu não me aguentei e provei ali na hora, quentinho e cremoso, quase voltei para a fila para pegar mais algumas caixas. Foi a mordida que me levou direto de Lisboa para o paraíso, acho que o mundo parou de rodar naquele momento para me assistir saboreando aquele docinho. Chamei os cachorros, os gatos, passarinho e o zoológico inteiro para passar comigo debaixo da mesa fazendo: Hummm….

Aqui descrevo as minhas 5 melhores experiências gastronômicas pelo mundo.
Pastel de Belém – Lisboa
Leia o nosso post: Uma viagem gastronômica por Lisboa.

A outra viagem até o paraíso, ficou por conta do pequeno ovos moles. Doce típico de Aveiro, uma pequenina cidade de Portugal muito próxima do Porto. Lembrando muito o sabor do nosso quindim, os ovos moles trata-se de pequenos doces em formato de elementos do fruto do mar, coberto por uma crostinha de hóstia recheado com muito doce feito à base de ovo.

Leia o nosso post sobre a cidade de Aveiro.

E aí o que achou das nossas experiências gastronômicas pelo mundo? Conhece algum?

Agora me conta a sua melhor experiência.

Somos quatro meninas apaixonadas por viagens e com muita gana de explorar esse mundão. Cada uma de nós possui um olhar, uma percepção e um perfil de viajante, mas o entusiamo e fascínio pela descoberta é o mesmo e isso nos une.

Como eu já comentei, esse post faz parte de uma blogagem coletiva. Quer saber quais são as experiências gastronômicas das minhas colegas blogueiras?

Espiando pelo mundo: Experiências Gastronômicas Inesquecíveis

Fui Ser Viajante: Gastronomia afetiva: memórias das minhas experiências pelo mundo

Turistando.in: Top 5: Nossa experiência gastronômica em Portugal

Salve esse post das minhas experiências gastronômicas para você ler mais tarde.

Aqui descrevo as minhas 5 melhores experiências gastronômicas pelo mundo.

12 comments

  1. Mayte, fiquei louca com a ideia desse mapa! Eu sou do mesmo jeito, sempre quero conhecer restaurantes novos, no Rio ou nas viagens. Sou mais ou menos organizada com uma lista virtual – começo a seguir o perfil de todos os restaurantes que quero conhecer. Mas acho que vou entrar nessa da lista fisica – vai ser mais facil organizar B-)
    Eu babei nas suas experiencias! Cada uma mais apetitosa que a outra! iria em todos esses restaurantes sem pensar duas vezes. Inclusive, o Mr Lam está aqui pertinho e já estou pensando em ligar pra reservar 🙂
    E refeição harmonizada com vinhos em um castelo é a descricao de experiencia inesquecivel, einh? E com aquela vista, impossivel nao amar!
    Tenho que confessar que ando procurando tour gastronomico em todas as cidades que vou visitar no futuro! Tem coisa melhor que descobrir os segredos de um destino ao lado de um bom prato?
    E os doces portugueses, ah os doces! Cada vez mais certa que preciso ir a portugal ASAP!

    1. Klécia, com certeza o mapa será mais fácil. =D Comecei a utilizar faz pouco tempo e adorei o resultado.

      Quando eu escrevi o texto logo pensei em vc, que você está tão pertinho do Mr. Lam! =D O tour gastronômico foi incrível e já quero um desse em todos os destinos, é uma experiência e tanto.

  2. Oi Maytê!!! Muito sofrimento ao ler o seu post!!! Já está quase na hora do almoço e minha fome quintuplicou! Isso não se faz!!!! Achei MANEIRÍSSIMA a proposta do “ovo frito” que não era ovo. Gente, deve ter sido uma delícia experimentar cocada com mousse de maracujá… A sugestão dos doces portugueses também me fez ver que preciso ir em breve a Portugal… Parecia realmente tudo muito bom… Nem vou falar dos outros pratos porque cansei de sofrer… Parabéns pelo post!
    Abraços,
    Carolina

  3. Nossa.. só delícias e coisas maravilhosas. Me deu fome e água na boca. Meus preferidos são os doces portugueses. Simplesmente incríveis. Adoro ler sobre gastronomia e acredito que as experiências gastronômicas são super válidas. Bjs

  4. oi Maytê… as viagens sensoriais que fazemos em uma viagem gastronômica tendem a ser muito marcantes não é?! Talvez por muitas vezes envolverem prazer e descoberta. Acho que mesmo quando não apreciamos um sabor, ele termina nos marcando de alguma forma. Eu tenho aprendido a me jogar nestas experiências gastronômicas cada vez mais. Diferente de você eu não escolho os restaurantes, deixo que eles me escolham. rsrsrsr Antigamente, as refeições eram apenas acessórios em minhas viagens: precisava comer afinal, mas a medida que fui acumulando quilômetros, e experiências gustativas, elas passaram a fazer parte da viagem.

    Sabe que nunca pensei em comida chinesa como experiência marcante?! Estou chocada, surpresa e boquiaberta com o que você conta. Mais uma vez preciso rever os meus conceitos! 🙂 Em tempo: eu amo um menu degustação! rsrsrs

    Ai, ai… aquele menu degustação em Bordeaux mexeu com meus sentidos também!!!! Quase não resisto e tento entrar na tela! A apresentação dos pratos está maravilhosa e fico imaginando o sabor. Harmonizados com vinho (amo-os também, mas não entendo nadica de nada, só saboreio – rsrsrsrrs) então, que beleza. Ah! E para completar, este lugar magnífico: estou babando!!!

    Sério! Você quer acabar comigo né?! Pratos lindos e coloridos! Já apaixonei por este pequeno restaurante perdido na cataluña. Já é meu queridinho também! Adoro quando os chefs “harmonizam” texturas e ingredientes e nos surpreendem! Amo estes momentos! Concordo com você: mesmo quando não gostamos de um elemento qualquer devemos dar uma chance, pois a combinação pode nos agradar. E muito! 🙂

    Esse tour gastronômico em Sofia, você sabe, habita meus sonhos desde que o li aqui no Passaporte. Misturar sabores e história! Sensacional!

    Fechou esta lista com chave de ouro! Não sou uma grande fã de sabores doces, mas a doçaria portuguesa me colocou de joelhos!!!! Os pasteis (de nata ou Belém) eram obrigatórios em meus dias em Lisboa e Porto! Infelizmente não consegui ir a Aveiro, mas espero um dia voltar a este país para mais orgias gastronômicas.

    Estou verdadeiramente deliciada com este texto Maytê: fica fácil entender porque esta experiências foram tão marcantes! 🙂 bjuusss

    1. Ana, eu escolho a dedo os restaurantes, mas me encanto com a maneira como você encontra deliciosos restaurantes ao longo das suas viagens por mero acaso. No fundo todas as experiências são validas, escolhidas as dedos pelo mapa ou a dedo pela carinha do local não tem erro, o negócio é fugir dos turistão né?

Deixe uma resposta