Aroma e cor de limão – Descubra Menton – a última cidade da França

Menton é a última cidade da frança - conhecida como a cidade do limão.

Menton é uma graça, um tesouro na Riviera Francesa. Sem muitos holofotes, luxo e estrelas hollywoodianas como a suas vizinhas, espalhadas pela Costa Azul, a cidade está repleta de bossa, fascínio e sedução.  

Praticamente com um pé na Itália, Menton é a última cidade da França. Local que a rainha Vitória escolheu pra ficar quando conheceu a região da Riviera Francesa. Alguma dúvida que o lugar é incrível?

Leia também: Cassis: o essencial para se apaixonar pela Cotê d’Azur

Conhecida como a cidade do limão, devido a quantidade de plantações, a fruta floresce praticamente o ano inteiro e assim a cidade ganha o aroma cítrico e cores intensas espalhadas para todos os cantos que você olha.

Citron, para nós o limão siciliano, é o astro da gastronomia local.

Menton é a última cidade da frança - conhecida como a cidade do limão.
Menton

Então, se você gosta desse ingrediente, vai ficar feliz com a quantidade de produtos que são fabricados com ele nessa cidade: limoncello, sorvete de limão, azeite com limão, compota de limão, limão em conserva, sabonete de limão, essência de limão e por aí vai…  

Se ainda não for o suficiente, saiba que a quantidade de limão produzida na cidade é tão grande que anualmente acontece a Fetê du Citron. Isso mesmo, festival do limão, que geralmente ocorre na época entre Fevereiro e Março. São três semanas de festa, 140 toneladas de limão para construir carros, torres e esculturas com a fruta.

Festival do Limão na cidade de Menton
Festival do Limão – Menton – Foto retirada do Wikimédia – By Perline

Não se preocupe, isso tudo não é desperdiçado e o que era arte para os olhos no final se tornam arte para o nosso paladar. Viram doces e geleias.

Percorrer pelas ruas de Menton foi afetuoso, doce e suave, nada de ácido e azedo como o limão.

Começamos pelo centro-histórico.  

Pitorescas ruas estreitas te convidam a caminhar e explorar cada uma das ruelas da cidade. O colorido dos prédios divertem e encantam aqueles que prestam atenção na contraposição das cores. Amarelo com janelas azuis, laranja com janelas verdes…

Leia também: Cannes por trás das câmeras

Menton é a última cidade da frança - conhecida como a cidade do limão.
Menton

Os restaurantes avançam na calçada, praticamente te convocando a escolher um e sentar.

Escolhemos e sentamos!

Pedimos uma cerveja para amenizar o calor. O cenário não podia ser melhor: mesa ao ar livre com árvores altas impedindo que o sol nos incomodasse. No ouvido uma mistura do francês e italiano e ao fundo escutava a voz de um senhor grisalho cantando garota de ipanema, com um sotaque gostoso, e o vilão acompanhava cada nota daquela canção. Me senti em casa!

Menton é a última cidade da frança - conhecida como a cidade do limão.
Menton

A cerveja já estava acabando e a próxima parada seria na praia.

Mas eu não queria estar exatamente na praia, pé na areia. Eu queria mesmo era ficar de frente para a praia: Ele, eu, o mar e as coloridas construções.

Menton é a última cidade da frança - conhecida como a cidade do limão.
Menton

Uma cena de arte brilhante e fachadas vibrantes com vista para as margens arenosas.

Para isso, precisamos caminhar até a barreira de pedras que invadia o mar, cuidadosamente andar sobre as pedras, e encontrar o nosso cantinho de deleito.

Aproveitamos o momento para admirar. Se tem uma coisa que eu gosto de fazer nas minhas viagens é isso: admirar! Pois bem, foi isso que eu fiz! Além de nós dois, apenas algumas gaivotas, eram as companhias perfeitas para o momento e até o barulho que elas faziam soavam como música para o ouvido.

A cidade conta com a Basílica Saint-Michel-Archange, que fica no alto da cidade. Após um pequeno descuido nas pedras e uma torcida no pé o nosso passeio acabaou ali. Não deu nem pra ficar triste, meu coração de turista já tinha caído de amores por Menton, a cidade do limão.

Mônaco está muito próximo de Menton, você pode fazer as duas cidades no mesmo dia.

15 comments

  1. Eu fui lendo essa frase e enchendo os olhos e a boca de desejo: limoncello, sorvete de limão, azeite com limão, compota de limão, limão em conserva, sabonete de limão, essência de limão… Tudo parece delicioso e tentador pra mim que adoro o sabor cítrico e forte da fruta!
    Quanta coisa gostosa! E fiquei encantada com o festival! Como é engraçado pensar que tiram tanta gostosura e alegria de uma coisa tão amarga, né? 🙂
    Visitar Menton já é uma missão de vida agora, tomara que eu consiga combinar com uma viagem com o festival.
    – Espero que não tenha acontecido nada sério com seu pé, Mayte 😉

    1. Pois é! Se eu te der um limão faça uma limonada, no caso eles criaram uma cidade inteira rsrsrs… Com certeza, eu gostaria muito de voltar e poder participar do festival 😉
      Não aconteceu nada sério não , obrigada! 😉

  2. Maytê, que cidade mais gracinha! Sou louca por limão. Desde pequena espremo o fruto e coloco com sal ou água. Lendo esse artigo fiquei com água na boda de tanta coisa gostosa (e paisagem surpreendente!). Adorei conhecer Menton por você. Certamente colocarei a cidade na minha lista e quando visitar venho aqui de novo para te contar! Bjs!

  3. Adorei ler teu post, Mayte!
    Incrível como Menton tem cara das casas da costa Ligure (quem copiou de quem? rsrsrsrs)
    Mas o que mais me deixou intrigada é que eu não me lembro de nenhuma cidade da costa italiana ter plantações de limão e comecei a salivar com a quantidade de doces que a cidade produz. hummmmmm

  4. Adorei Menton: que cidade mais linda! Ainda especialista em limão?! Me ganhou totalmente! Eu adoro limão (espremo sobre qualquer comida) e tudo o que é feito com ele.

    Ainda bem que deu para aproveitar esta bela cidade antes da torção no pé!

    Um dia em Colônia, na Alemanha, a única coisa que aplacou minha sede e calor, foi picolé de limão! rsrsrsr bjus

Deixe uma resposta