Morando na Holanda por 3 meses

Você já se imaginou apertando o pause na sua vida por três meses para viver uma nova experiência ? A Cecília apertou o pause para o trabalho e faculdade para aproveitar uma oportunidade única que surgiu na sua vida, ela abraçou com toda força e se mudou com o marido para a Holanda, trancou as portas da sua casa recém comprada e #Partiu para descobrir como é a experiência de viver fora do Brasil. Confira o depoimento dessa aventura!

Por: Maria Cecília Miranda

Holanda

Posso dizer que no último ano, minha vida deu um giro de 180 graus. Sou brasileira e sempre morei no interior de São Paulo, mais especificamente em Itu, nem para fazer a faculdade eu saí da casa dos meus pais.  No ano passado me casei, mas ainda continuei a viver em Itu, onde estava cursando uma segunda faculdade e trabalhando.

Sempre tive a vontade de morar em outro país, mas nunca levei em frente essa vontade, a vida seguiu normalmente, até que em Março de 2016 surgiu a oportunidade na vida do meu marido,  por meio da empresa que ele trabalha e eu logo a agarrei de primeira. Foi tudo muito rápido, nos ofereceram essa oportunidade no meio de Março para em Abril já estarmos vivendo no novo país.

Holanda

Tínhamos acabado de comprar uma casa no Brasil, eu estava no meio do semestre letivo e trabalhando, mas compartilhávamos do mesmo pensamento, essa chance não poderíamos deixar passar. Deixamos nossas famílias cuidando da reforma da casa, tranquei a faculdade, e como trabalho com meu pai, pude deixar em stand by minha vaga no Brasil, e assim  fizemos nossas malas e viemos viver esse sonho.

O país de destino era a Holanda, na cidade de Hoofddorp,  e para ser sincera, daqui só tinha ouvido falar de Amsterdã e mais nada. Então tudo foi uma grande surpresa.  A expectativa de morar em um país de primeiro mundo sempre é alta, e posso garantir que tudo foi superado, estamos vivenciando tudo que sempre acreditamos, um lugar onde você não encontra grandes desigualdades, onde vê tudo funcionando e sendo respeitado.  E sim, todo mundo anda de bicicleta, aqui é comum você cruzar com senhoras e senhores próximos de seus 80 em cima das suas.

Holanda

Acredito que tudo tem dois lados, o bom e o ruim. E aqui não é diferente, estou vivendo a melhor experiência da minha vida, morando em um país nota mil, convivendo com pessoas diferentes, em sua grande maioria muito simpáticas e solícitas, podendo viajar para vários países nos finais de semana, mas como nem tudo são flores,  por estar morando em um hotel, não tenho uma cozinha para fazer comidas como as da nossas casas, então o lado ruim é a alimentação, aqui eles não tem o costume de comer comida no almoço, é sempre um lanche e no jantar nos viramos com delivery, na primeira semana você acha divertido, cada dia pede uma coisa, mas logo já está morrendo de saudades do tempero de comida caseira. Aqui também precisei aprender a passar roupa, coisa que eu nunca tinha feito, e como meu marido trabalha de social, estou eu me desdobrando para passar camisas e mais camisas, mas ainda acho um preço barato a se pagar pela experiência que estamos podendo compartilhar aqui.

Holanda

Resumindo, acho que tudo tem seu momento, o meu momento de morar fora foi mais tardio, e tenho certeza que estou aproveitando muito melhor do que se fosse nova, estou podendo partilhar todas as novidades e sensações com alguém ao meu lado, o que faz tudo ter mais cor e sabor. E se puder dar uma dica, não deixem de viver essa experiência se ela lhe for oferecida ou se puder, vale cada segundo de saudade que possa sentir de casa ou de todos que ficaram.

Holanda

 

 

Deixe uma resposta