Inglês em Malta e de quebra mais um país para a lista

Estudar inglês em Malta

Fazia mais de 5 anos que eu não entrava em uma sala de aula. E mais de 8 que eu não estudava inglês. Ele estava enferrujado, não adianta, aprender línguas é assim: não pratica, perde!

Nunca tive dúvidas da importância do inglês. Hoje, mais do que nunca, viajando o mundo e explorando todos os cantos que estão ao meu alcance, sinto o quanto é importante falar esse idioma. Não digo isto só pelo fato de saber se virar ou qualquer coisa do tipo. Eu queria ter um inglês muito mais avançado para poder me comunicar com quem eu quisesse. Viajar o mundo e conseguir conversar mais com as pessoas. Aprender mais sobre a cultura local e até mesmo pegar aquelas diquinhas que só os locais podem oferecer. 😉

Sou super a favor de intercâmbio. Já contei sobre minhas experiências morando fora do país. No mesmo texto eu conto o porque não consegui evoluir com o meu inglês como deveria. Spoiler: grudei nos brasileiros e achei que estava de férias e não estudando. =x

Fuja deles, assim como o diabo foge da cruz!

Quando eu recebi o convite da Maltalingua para conhecer a escola e passar uma semana estudando por lá eu topei na hora. Era mais uma oportunidade de tirar o pó do meu inglês, conhecer novas pessoas e conhecer um país novo (Malta, número 24 da minha lista ;)).

Toda segunda-feira uma nova turma se inicia, com isso cheguei no domingo a noite. Optei pelo transfer oferecido por eles uma vez que ficaria hospedada no apartamento da escola. Em menos de uma hora, desembarquei e já estava instalada no meu quarto.

Estudar inglês em malta
Anastasiia, Amparo e eu

Estava ansiosa para conhecer o local e as pessoas com quem eu iria passar a próxima semana. Minhas roommates eram super queridas e foi o primeiro contato com Amparo (Espanha) e a Anastasiia (Russia).

Éramos três mulheres em um apartamento que cabiam quatro. Extremamente confortável, limpo e com boa estrutura.

Segunda-feira, primeiro dia de aula

Teste! Assim começou a minha segunda-feita, um teste de nível de conhecimento. Coisa simples: redação, conversação, gramática e vocabulário.

Em seguida uma apresentação sobre escola. Regras básicas, contatos essenciais, funcionamento das aulas. Sem mistério!

Por fim, um tour pela escola. Uma agradável surpresa. Uma terraço delicinha para os intervalos e almoços. E a parte mais legal, uma piscina inteirinha para os estudantes fugirem do calor. Assim, super descolada e com uma turma muito unida a escola me cativou logo no primeiro dia.

Estudar Inglês em Malta
Terraço da Maltalingua

Pronta para iniciar os estudos, segui para a minha sala de aula, me juntei com a turma que já estava em andamento e mais quatro alunos que também iniciavam naquele dia.  

Curiosidades sobre a minha turma

Sempre digo que intercâmbio é muito mais que aprender uma língua. Intercâmbio é uma experiência única, onde aprendemos sobre novas culturas, fazemos novas amizades e o mais importante: passamos a olhar o mundo de uma maneira diferente. Em uma sala de aula com um pouco mais de 10 pessoas não demorei muito para perceber o quanto eu havia criado estereótipos de determinadas culturas.

Vivendo e aprendendo!

Minha turma tinha gente do Irã, Hungria, Itália, Chile, Alemanha, Colômbia, Rússia, República Tcheca, Espanha, Argentina e Coreia do Sul. Em uma semana tive dois professores, um Maltês e uma Irlandesa. Tem coisa melhor que essa mistura?

Ao longo de todas as lições, os professores faziam com que a gente contasse alguma curiosidade sobre os nossos países dentro do contexto do exercício.

Descobertas como:

  • No Irã o ano novo é comemorado no primeiro dia da primavera.
  • Na Coreia do Sul, o neném já nasce com um ano de idade.

Se tornaram comuns ao longo da minha semana. Sério, pra mim, é a parte mais interessante de um intercâmbio! Descobrir as curiosidades dos outros países.

Por sorte na minha sala não tinha nenhum Brasileiro. Aliás, na escola toda éramos em apenas dois Brasileiros. Que em uma semana eu só encontrei um único dia. 😉

Experiência com a Maltalingua

Não poderia ter sido melhor! A escola foi super receptiva e os funcionários que também são cada um de um canto do mundo são super atenciosos. Os professores são uma mistura de malteses, ingleses e irlandeses.

Dada as minhas experiências anteriores o que me chamou mais a atenção foi a mistura de culturas (Alemão, Italiano, Francês, Espanhol e Polonês são as cinco principais nacionalidades da escola). A ausência de Brasileiros e principalmente a faixa etária dos alunos.

Estudar inglês em Malta
Piscina da Maltalingua School

A média de idade dos estudantes era entre 25 a 60 anos. Ter pessoas mais velhas na turma eleva, e muito, o nível das aulas.

Na minha sala tinha uma Argentina de 67 anos. Eu grudei naquela senhora tão simpática e alegre que eu poderia dizer que ela tinha 20 aninhos com sede de desbravar o mundo.

Graziella me contou que passaria um mês estudando inglês em Malta e que em seguida iria passar 15 dias na Croácia com uma amiga, também estudante da Maltalingua. Meu sorriso cresceu no rosto e pensei que queria chegar nessa idade com essa mentalidade e disposição.

A escola sabe que o pessoal tá lá para estudar, mas os estudantes querem também aproveitar a ilha. Por isso todos os dias são oferecidos passeios dos mais diversos tipos. Basta se inscrever, pagar (quando necessário) e aproveitar.

Faça excursão com a escola, uma ótima oportunidade de praticar o inglês!

As aulas acabam 12:30, se não tem passeio que te interessa vá bater perna. Convide os seus amigos de sala ou de apartamento e vá explorar!

Malta não é grande, é muito fácil conhecer toda a ilha em poucas semanas.

Inglês em Malta

Enquanto eu estava lá eu recebi muitas perguntas sobre o inglês em Malta. Aliás, muitos nem sabiam que lá fala-se inglês. Completamente compreensível, muitos acham que Malta faz parte da Itália. (Logo mais posts sobre Malta e sua história)

Malta já foi uma colônia inglesa e por isso a língua inglesa. Cheguei lá achando que eles tinham um inglês com sotaque britânico, mas não é verdade, achei um inglês completamente diferente e algo muito particular. =D

Todo mundo fala inglês em Malta? Sim! Inglês é a segunda língua de Malta, a primeira é maltês, por isso é completamente normal ouvir o idioma na rua. Mas qualquer maltês fala inglês. As crianças aprendem desde cedo as duas línguas na escola.

Como a maior parte do tempo eu passei com as pessoas da escola e quando eu estava em algum restaurante, supermercado ou ônibus as pessoas falavam inglês comigo nem senti o fato deles conversarem em maltês entre eles. Não acho que isso atrapalhe o desenvolvimento!

Porque estudar inglês em Malta?

Preço e clima!

Estudar inglês em Malta
A caminho da escola

Dos países europeus que falam inglês, Malta é o melhor custo benefício tanto para o curso e acomodação como o custo de vida.

O clima quente e com quase 365 dias de sol por ano, faz com que os europeus prefiram Malta ao invés de Irlanda ou Reino Unido. Mas se você não gosta de calor intenso, fuja do mês de agosto.

Como disse anteriormente, Malta é um país muito pequeno. Para quem curte a ideia de intercalar os estudos e turismo, a região é uma excelente escolha pela facilidade de exploração.

Uma semana foi pouco para aperfeiçoar a língua, mas foi o suficiente para tirar o pó e continuar estudando em casa. Se você quer intensificar os seus estudos enquanto está na escola ou continuar estudando quando voltar para a casa, pode optar pelo programa Online English.

Em Malta você pode trabalhar enquanto estuda. Um benefício que dispensa apresentações, se você quer saber mais sobre o assunto leia trabalhar em Malta.

Se você é leitor do Passaporte com Pimenta tem 10% de desconto na Maltalingua! =D Ao realizar a sua reserva online você pode inserir nos comentários maltalinguacompimenta e você ganhará o seu desconto.

inglês em Malta

Thank so much Maltalingua! =D

1 comment

  1. Melhorar o inglês é sempre bom!!!
    Sempre achei que fazer isso em Malta poderia não ser uma boa pois a cidade parece ter muitos atrativos e isso poderia desviar o foco principal, mas pelo jeito, realmente é uma boa opção!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.