O que fazer em Turim

O que fazer em Turim - Visitar o Palácio Real de Turim

A cidade de Turim nem sempre é a primeira, segunda ou terceira opção dos turistas que embarcam para a Itália. Já foi a capital do país. Foi cidade de uma das mais antigas famílias nobres da Europa, a família Savoia. Cidade da Fiat e também do Eataly. Precisa de mais motivos? Então vou te dar, acompanhe esse post onde te conto: O que fazer em Turim.

Passear pelo Parco del Valentino

O que fazer em Turim:  Visitar o Parco del Valentino
Parco del Valentino

O que fazer em Turim: O parque do Valentino é o principal parque da cidade. Margeando o  Rio Pó é impossível passar correndo pelo local. A não ser claro que você esteja praticando o exercícios. Caso contrário o parque deve ser explorado com tranquilidade. Optei por começar o dia aqui. Parei o carro no início do parque, e comecei a devagar. Acompanhada pelo canto dos passarinhos e pelo ar gelado da primeira hora do dia, optei por caminhar do começo ao fim.

O que fazer em Turim:  Visitar o Parco del Valentino
Parco del Valentino

O Parque não é largo, entre o rio e a rua é possível enxergar de ponta a ponta. Escolhi caminhar pelo meio dos jardins, mas não deixei de ir até a margem do rio para desfrutar da bela paisagem que se formava com as árvores outonais. O verde se transformando no mais lindo tom de amarelo.

Subir na Mole Antonelliana

O que fazer em Turim: subir a Antonelliana a torre mais alta de Turim
Torre Antonelliana

O que fazer em Turim: A torre mais alta de Turim é a Antonelliana. Com 167 metros de altura é um dos melhores lugares para uma vista panorâmica e aproveitar para entender um pouco da geografia da cidade. Dizem que em dia de céu limpo é possível enxergar os Alpes. Não dei sorte e fiquei por conta de apenas encontrar os pontos turísticos. A torre está localizada dentro do Museu de Cinema de Turim, mas é possível optar por apenas um deles ou pelos dois.

O que fazer em Turim: ver a cidade do alto da Torre Antonelliana
Vista de Turim

Se você é do tipo que tem medo de altura ou não se sente muito bem com esse tipo de atividade, recomendo que opte por ficar bem no meio do elevador panorâmico, como se fosse um foguete, ele sobe pelo átrio do Museu que é um vão completamente aberto ao longo dos 167 metros de altura.  

O que fazer em Turim: subir a Antonelliana a torre mais alta de Turim
Torre Antonelliana

Explorar os Palácios de Turim

O que fazer em Turim - visitar o Palácio Carignano
Palácio Carignano de Turim

O que fazer em Turim: São muitos os Palácios de Turim e para conhecer todos seriam necessários algo como dois ou três dias dedicados exclusivamente para isso. O que não é uma má ideia, afinal é um mais bonito que o outro. Optei pelo Royal Card Torino que me deu direito a 48 horas com acesso a todos os palácios da cidade e da região, vale bastante a pena pela flexibilidade e liberdade. Sem contar que com o cartão temos transporte públicos free e desconto nas lojas e cafeterias dos Palácios.

Optei por conhecer o Palácio Real, Palácio Carignano e o Palácio de Caça (em breve post sobre os Palácios de Turim)

De 1861 a 1946 existiu a monarquia italiana, quando a família Savoia foi exilada, para a cidade de Turim ficou de herança um dos conjuntos arquitetônicos tombado mais ricos da Itália.

O que fazer em Turim - visitar o Palácio Carignano
Palácio Carignano de Turim

Conhecer o Museu do Automóvel

O que fazer em Turim: Visitar o Museu do Automóvel
Museu do Automóvel – Turim

O que fazer em Turim: Turim está repleta de Museus, e se você gosta desse tipo de passeio com certeza ficará feliz com a quantidade e variedade que existe na cidade. Mas um é imperdível: o Museu do Automóvel. Ainda que você não goste de carros, arrisco a dizer que irá se surpreender com esse. Turim é a cidade da FIAT, a maior fábrica de carros da Itália e uma das maiores do mundo.

São mais de 200 modelos de carros contando a história do automóvel, e os modelos expostos não se restringem apenas em carros da Fiat ou em marcas italianas.

O que fazer em Turim: Visitar o Museu do Automóvel
Museu do Automóvel – Turim

A história é contada de uma maneira muito ilustrativa e até para leigos como eu conseguimos compreender e admirar a evolução dessa “máquina”. A curadoria do museu foi extremamente bem pensada, e nem só de carro vive o local, para cada momento desta história cenários, objetos e personagens ajudam a contextualizar este universo

Comer no Eataly

O que fazer em Turim: O conceito do Eataly é bem simples – reunir todos os alimentos italianos de qualidade sob o mesmo teto. No total são 38 lojas espalhadas pelo mundo. Contando com uma em São Paulo, no Brasil, mas foi em Turim que esse conceito nasceu. E uma vez que estamos na Itália e em Turim é impossível deixar passar essa loja. Fomos lá com o intuito de almoçar e claro dar uma espiada nos produtos. Conclusão: voltei com um estoque de massa para o ano todo! A variedade de molhos para cada uma das massas também é de deixar qualquer um maluco, por isso, deixe para visitar a sessão de comidas após o almoço.

O Eataly tem um conceito de slow food, mas preciso ser sincera: isso é o que menos se vê por lá. Muito cheio é preciso ter calma ou sairá no tapa por uma mesa, uma vez sentado e escolhido o seu prato em minutos você já estará comendo. Não foi a melhor comida italiana que eu comi na Itália, acho que a alta circulação de pessoas faz com que eles percam um pouco da sua qualidade.

Você vai esbarrar com alguns mini Eatalys por Turin, mas o que vale mesmo é o : Eataly Torino Lingotto o maior deles é o com mais variedade de alimentos e restaurantes.

Provar um sorvete Italiano

O que fazer em Turim:  Acho que não preciso falar que o sorvete italiano é considerado um dos melhores do mundo, não é mesmo? Se é que é possível Turim tem uma fama de ter um dos melhores gelatos da Itália, na dúvida eu provei! Bom, como o último gelato que eu tomei na Itália faz mais ou menos uns 10 anos, assumi que o de Turim é o melhor gelato que eu já tomei na Itália. =D

Juro que eu levei uma lista de lugares onde eu tinha que provar o sorvete, mas só consegui dar conta de dois endereços e foram eles: Grom e realmente não decepcionou mas foi dentro do Eataly Lingotto que eu tomei o melhor sorvete de pistache da minha vida.

Tomar o Bicerin

O que fazer em Turim: Bicerin é a bebida mais tradicional de Turim. Cai muito melhor nos dias frios, por se tratar de uma espécie de chocolate quente. A bebida é feita com café, leite e chocolate. Não é difícil encontrar, em qualquer esquina em qualquer café é possível provar o drinque mais famoso na cidade. Mas foi no Bicerin que tudo começou. Bom não preciso explicar o motivo do nome da bebida não é mesmo?

Não achei coisa de outro mundo como muitos relataram. Provei o meu no Caffé Fiorio, que também foi muito indicado em outros blogs.

O que fazer em Turim: Provar o Bicerin
Bicerin

E aí, agora você já tem motivos suficiente para visitar Turim!

Salve o post sobre o que fazer em Turim no seu Pinterest para ler mais tarde

O que fazer em turim

2 comments

  1. Sim!!! Agora tenho ótimo motivos para visitar esta cidade que ao que parece tem muito daquilo que adoro, velhice, história, sorvete, belas vistas, castelos…

    Tentei ir no Eataly de NYC, mas por lá também é mais ou menos como você narrou e não tive a menor paciência de ficar ali, disputar mesa… Tinha muita gente.

    Preferi comprar um hot dog na barraquinha em frente e comer na praça ao ar livre! rsrsrs bjuuusss

Deixe uma resposta