O mais bem conservado Teatro Romano da Europa – Orange, França

Teatro Romano de Orange

Orange, na França, é uma cidade de praticamente uma única atração. Talvez duas, tirando a parte de perambular pela cidade. Afinal de contas, se esse não é o primeiro post que você está lendo do Passaporte com Pimenta sabe muito bem que essa é a nossa grande paixão: perambular pelas cidades europeia, sem rumo, sem direção.

Dada essa introdução você pode considerar uma passagem de meio período pela cidade, para ver as duas atrações de Orange.  E ficar quanto tempo quiser caminhando e passeando pelas ruelas da cidade.

Cheguei na cidade no final do dia. Já havia lido que visitar o Teatro Romano no pôr do sol é uma experiência única. Concordo com quem deu a dica e recomendo. =D O entardecer deixa o teatro ainda mais espetacular, suas pedras que já são alaranjadas se intensificam com os raios solares. Não sei se foi o dia, o horário ou se foi sorte mesmo, mas éramos só nós cinco lá dentro: Chris, Gi, Thi, Augusto e eu. Augusto, sim ele mesmo, o Imperador César Augusto. O primeiro imperador do Império Romano.

Teatro Romano de Orange
Imperador César Augusto no Teatro Romano de Orange

Imperador Augusto

Augusto está exposto bem ao centro da imponente parede do teatro. A estátua não é a original, essa é só uma restauração da estátua original, que na verdade era de Apolo, o Deus da música e da arte. Faz todo sentido, já que um local como esse construído no séc. I e considerado o mais bem preservado Teatro Romano da Europa, tinha como função entreter e divertir a população. Após inúmeras reformas e fins, hoje o local volta a ser um centro de entretenimento. O local se transformou em palco de inúmeros shows e apresentações que acontecem na cidade. Podendo acomodar até 7.000 pessoas.

Dizem que sua fachada é a parte mais emblemática. Infelizmente quando cheguei estava toda coberta, por motivos de restauração. Mas fiquei me perguntando, se realmente a fachada poderia ser mais representativa que o próprio palco.

A grandiosidade do palco do Teatro Romano

A entrada para o teatro se dá pela sua lateral. Não foram necessários muitos passos para me sentir insignificante naquele cenário todo. Do meu lado direito o palco, que ao meu ver cabia um espetáculo da Broadway de tão grande. A parede atrás do palco, com a sua altura original, rapidamente o meu olhar foi atraído para as colunas, arcos e frisos que encontram-se empilhados em um monte de pedra em uma altura de 37 metros.

Esse tamanho todo, não se deve apenas para passar a ideia de grandiosidade, mas sim para ajudar a projetar o som para o público. Pense – naquela época não existia microfone e muito menos caixa de som. =D

Teatro Romano de Orange
Teatro Romano de Orange

Mas ainda na entrada, se de um lado eu contemplava a suntuosidade do palco do outro eu apreciava a plateia. Em forma de meia lua, sem luxo algum, para assistir algo por lá senta-se na pedra. Luxo mesmo deve ser assistir a um espetáculo em um lugar desse.

Com disposição de sobra, subimos até o último nível da plateia para contemplar aquela beleza toda do alto. Olhando do alto, enquanto meus amigos continuavam lá embaixo me senti no filme: Querida, encolhi as crianças! Só nesse momento me dei conta do tamanho do palco. Andei de um lado para outro, para não perder nenhum ângulo. Subi e desci uma, duas, vezes… e entào partimos para explorar os corredores internos do teatro. Infelizmente perdeu toda a graça diante do que tínhamos do lado de fora – o palco.

Teatro Romano de Orange
Teatro Romano de Orange

Hoje o palco está coberto por uma estrutura de metal. Afim de conservar e proteger as peças originais. No passado essa estrutura era de madeira, e pelo que pudemos notar foi o fogo que a destruiu.

Momento reflexão

Fomos embora felizes por poder viver a experiência de estar em contato com algo tão grandioso. Cada vez que eu tenho a oportunidade de passar por uma experiência dessa, sinto que enriqueço a alma. Estimulo o cérebro! É como se a nossa cabeça fosse um grande quebra cabeça, vamos preenchendo as peças que faltam com experiências vividas e assim sinto que começo a compreender o mundo. Sem sombra de dúvidas a cada momento desse ampliamos nossas perspectivas e nossa visão de como as coisas aconteceram.  

O Teatro Romano de Orange, é um Patrimônio da Humanidade da UNESCO.

Caminhando, você pode ir até o Arco do Triunfo da cidade. Aproveite o passeio para apreciar a arquitetura da cidade, assim como os seus becos, que sempre reservam boas surpresas. Não se sabe ao certo quando o Arco foi construído, mas sabe-se que foi ao longo do reinado de Augusto (27 aC – 14 dC).

Orange - França
Orange – França

Para ir até Orange, fomos de carro. Nossa base para essa viagem foi na cidade de Avignon, que está a 30 km de distância. Confira como foi nosso passeio por Avignon – a cidade dos papas  e da alta gastronomia.

Salve o post sobre o Teatro Romano de Orange para ler mais tarde

Teatro Romano de Orange

10 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.